Saúde

ESPORTES AQUÁTICOS COMO APROVEITAR OS DIAS QUENTES PARA ALIVIAR AS DORES NAS COSTAS  

pexels-joão-delicado-PISCINA 7 EXERC
pexels-joão-delicado-PISCINA 7 EXERC

Você, em algum momento da vida, já deve ter sentido dores em algum lugar da coluna. Essas dores, que podem ser causadas por maus hábitos, como o sedentarismo, obesidade e até o tabagismo, também podem ser resultado de alguma doença.  

 

Para o Dr. Cezar de Oliveira, neurocirurgião, especialista em coluna do Hospital Sírio-Libanês, as atividades físicas são fundamentais para um paciente que sofre com alguma patologia da coluna. “Desde que tenha liberação médica, os exercícios ajudam com a manutenção do peso, com o fortalecimento dos músculos e ajudam a manter a postura correta”, conta o médico.  

Com a temperatura aumentando com a chegada do verão, essas atividades físicas, que são indispensáveis para quem sofre com dores na coluna, podem ser realizadas na água:  

Hidroginástica  

Exercícios físicos embaixo da água são excelentes para melhorar a respiração, resistência física e postura de seus praticantes. Para aqueles que sofrem com dores como aquelas que afetam a coluna, a hidroginástica pode ajudar a aliviar as dores sem impactar as lesões.  

Natação  

Você já deve ter ouvido que a natação é um esporte completo quando o assunto é saúde do organismo. Quando nadamos, mexemos grande partes dos músculos, fortalecendo o corpo todo. E por isso também é indicado para diminuir as dores nas costas, já que seus movimentos fortalecem especialmente a parte superior do corpo.  

Fisioterapia aquática  

Os resultados conquistados com este tipo de fisioterapia são excelentes e quase que imediatos, já que a temperatura da água ajuda a relaxar mais, diminuindo a dor e a tensão na musculatura. Além disso, o empuxo aumenta o espaço entre as vértebras e diminui a pressão sobre elas, dando alívio.   

“Ao sentir qualquer dor nas costas, é fundamental buscar ajuda de um especialista em coluna. Apenas um profissional pode indicar qual é o melhor tipo de tratamento dependendo do seu diagnóstico”, alerta o neurocirurgião.  

Dr. Cezar Augusto Alves de Oliveira, Neurocirurgião e Especialista em Coluna.  é o chefe das equipes da Neurocirurgia nos hospitais: Sírio-Libanês, AACD, Hcor, Rede São Luiz, Edmundo Vasconcelos e Santa Catarina. Possui especialização pela Harvard Medical School, com Prof. Chief Peter M. Black; fez residência médica, com especialização em cirurgia da coluna, no Centro Médico da Universidade de Nova Iorque, no Departamento de Neurocirurgia, com o Prof. Dr. Paul Cooper. É Membro Titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, graduado pela Faculdade de Medicina de Campos (RJ) e cursou o Internato Eletivo em Neurocirurgia, no Instituto de Neurocirurgia da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro.  

 

Matéria publicada na edição 55 do Guia da 3ª Idade