Saúde

Pilates: os maiores benefícios do método

O método criado pelo alemão Joseph Hubertus Pilates, no início do século XX, traz como um dos seus maiores benefícios a conexão entre mente, corpo e espírito, na busca pelo equilíbrio do indivíduo e qualidade de vida em qualquer idade.

A modalidade é usada no mundo inteiro para condicionar e tratar várias disfunções neuromusculares, mio-articulares, neurológicas, psicológicas e até psicossomática. Isso é possível por meio de seus princípios e uma série de exercícios no solo – Mat Pilates, com 32 exercícios originais, e por um complexo repertório de exercícios nos equipamentos – Cadillac, Reforme, Ladder Barrel, Wunda Chair e Spiner Corretor.

Joseph Pilates elaborou 6 princípios que norteiam o método e que trazem muitos benefícios à saúde: Concentração, Centralização, Controle, Respiração, Precisão e Fluidez que são usados durastes todos as aulas.

Entre uma infinidade de benefícios, a Professora Dra Eliane Coutinho relaciona alguns benefícios do método Pilates.

1 – Ganho da Flexibilidade

A flexibilidade é considerada uma capacidade física mista, ou seja, coordenativa, na qual exige grande participação do sistema nervoso central e condicional.

A flexibilidade também é considerada uma capacidade física do ser humano que condiciona a obtenção de grande amplitude articular, durante a execução dos movimentos. Ou seja, o quanto que a sua articulação pode movimentar.

Essa flexibilidade perde-se ao longo do tempo por falta de estímulo, acarretando prejuízos musculares e articulares. Promover músculos flexíveis é um grande benefício que o método Pilates proporciona a seus praticantes, independente da idade os efeitos são inquestionáveis.

Todo o repertório de exercícios gera músculos fortes e flexíveis e essa flexibilidade é resultante de um extraordinário repertório exclusivo de exercícios que promove grande amplitude de movimento e alongamento máximo estimulando o ganho de comprimento muscular (através da produção de fatores de crescimento como NOs – óxido nítrico sintetase) e consequentemente promovendo a flexibilidade necessária para ter-se músculos saudáveis, sem dor e com pleno desempenho funcional.

A flexibilidade preveni doenças articulares e dores musculares, pois músculos flexíveis permitem que as articulações sejam menos comprimidas e sobrecarregadas e consequentemente mais móveis e sem limitação é dor.

© Depositphotos/Jason Enterline
© Depositphotos/Jason Enterline

2 – Ganho de Força muscular

A força muscular é considerada essencial para o funcionando perfeito das articulações, sustentação do corpo, performance muscular, marcha e o desenvolvimento do desempenho das habilidades motoras do indivíduo, desde a infância até a terceira idade.

O método Pilates proporciona o ganho de força de forma organizada e sem sobrecargas em todos os músculos do corpo e esse benefício ocorre devido a um recrutamento muscular máximo, ou seja, um maior número de fibras em contração durante os exercícios. Esse recrutamento, essencial para o ganho de força, é potencializado pela concentração, princípio do método, durante os exercícios.

Pilates promove força durante envelhecimento

É muito importante a prática correta dos exercícios de Pilates, para obter-se o benefício do ganho de força em todas as fases da vida, mas em especial após os 30 anos, pois é nessa fase que se inicia o decréscimo da força muscular.

 Com a prática nessa fase o Pilates promove ganho e manutenção da força, por meio dos exercícios que usam a resistência do próprio corpo – Mat Pilates e também resistências dos equipamentos através das molas e esse é um valioso benefício na prevenção da sarcopenia, que é a atrofia muscular durante envelhecimento.

A perda de força interfere diretamente na qualidade de vida do indivíduo, e o método Pilates tem o grande benefício de promover ganho de força muscular gerando melhora na performance e qualidade de vida.

3 – Estabilidade Articular

A estabilidade articular é extremamente importante para que o indivíduo tenha completo desempenho em todas as suas atividades diárias.

Uma articulação estável é uma articulação sem frouxidão. O que promove essa estabilidade articular é a força dos músculos que sustentam cada articulação.

Os exercícios de Pilates promovem esse ganho de força de forma organizada, promovendo movimentos articulares funcionais, sem compressões, sem desgaste e sem dor.

As articulações estáveis são articulações em perfeita congruência, ou seja, perfeito acoplamento entre os ossos, o que não causa pontos de sobrecarga e de lesão, a nível cartilaginoso.

Os exercícios de Pilares promovem estabilidade articular, um importante benefício para função articular. Um método que deixa as articulações saudáveis prevenindo e tratando das dores articulares decorrentes de processos degenerativos, como artrite e artrose.

© Depositphotos/Sean Prior
© Depositphotos/Sean Prior

4 – Pilates Emagrece

O processo de emagrecimento se dá por meio de com conjunto de atitudes e práticas e a prática do método Pilates contribui para perda de peso. Em especial o método Pilates beneficia as pessoas que não gostam de praticar atividade, estimulado o prazer pela prática de exercício físico, o que é essencial para o processo saudável de emagrecimento.

 O método também gera a conexão entre mente e corpo, aumentando o estado de concentração durante os exercícios e maior foco no objetivo de emagrecer.

O Pilates contribui para o emagrecimento, uma vez que o exercício pode ser trabalhado de forma contínua e de baixa intensidade, por meio de exercícios de solo, trabalhando abaixo do limiar anaeróbio, utilizando assim a gordura como fonte de energia, o que é chamado de lipólise, segundo a PhD Eliane Coutinho.

Ou também, por meio de exercícios mais intensos com intervalos, que podem ser realizados nos equipamentos, com o uso de cargas, aumentando a massa muscular e acelerando o metabolismo, contribuindo para o emagrecimento.

A perda de peso em quem pratica o Pilates ocorre em conjunto com o ganho de músculos e com a diminuição de medidas. Mas o principal benefício é estimular a produção do hormônio do prazer, serotonina, para assim estimular o prazer pela prática de uma atividade física saudável. O método Pilates contribui para o emagrecimento sem sobrecargas de forma saudável e prazerosa.

5 – Diminuição do Estresse e Ansiedade

Atualmente, o estilo de vida dos indivíduos aumenta significativamente os níveis de ansiedade, estresse e de depressão. Contudo, estudos científicos comprovam que a prática de exercícios físicos controla esses distúrbios psicoemocionais cada vez mais frequentes na sociedade contemporânea.

 Esses distúrbios psicoemocionais são bioquímicos e se manifestam por meio da carência de substâncias importantes que modulam a alegria, a satisfação e a vontade de cuidar-se. Dentre esses moduladores, um dos mais importantes é a serotonina, que é um hormônio secretado durante o exercício físico.

Como o Pilates conecta o corpo com a mente durante os exercícios, há um desligamento dos causadores desses distúrbios. Dessa forma, o benefício é o aumento do prazer durante o exercício e o aumento da produção da serotonina.

 A grande maioria dos praticantes de Pilates, segundo Eliane Coutinho, relatam muitos benefícios, entre eles o bem-estar, não só durante as aulas, mas também após.

Com isso, os alunos criam um hábito saudável que gera, não só um ganho muscular, mas uma melhora emocional, deixando-o menos ansioso, focado e mais tranquilo. Consequentemente, melhorando a qualidade de vida, a autoestima e diminuindo a ansiedade e outros distúrbios psicoemocionais.

© Depositphotos/Erik Reis
© Depositphotos/Erik Reis

6 – Pilates no Pré e Pós-Parto

Pilates na gestação é uma das áreas que mais cresce em todo o mundo, visto que as mulheres desejam ter uma gravidez mais saudável, sem riscos e limitações, como edemas de extremidades, dores lombares, fadiga, dores muscular, dispneia, câimbras, stress e até depressão.

Com a prática do método é possível evitar todas essas intercorrências durante os três trimestres de gestação, uma vez que o Pilates tem como filosofia trabalha a futura mãe como um todo, integrando mente e corpo.

Primeiramente, o método ajuda a organizar o padrão respiratório da gestante, para melhorar a quantidade de oxigênio nos músculos e em todos os sistemas do corpo, prevenindo dispneia e cãibras, além de, melhorar o desenvolvimento fetal.

A melhora da capacidade respiratória contribui para aumentar o metabolismo muscular diminuindo o índice de câimbras e melhorando o padrão respiratório, em especial no final da gestação.

O Pilates também promove outros benefícios importantes, como o aumento do retorno venoso, reduzindo os edemas e dores de extremidade e os desconfortos articulares, em especial nos punhos e tornozelos.

A dor lombar é um dos principais sintomas presentes durante a gestação e o método Pilates tem como função prevenir e tratar essa dor, estabilizando a coluna através do fortalecimento dos músculos profundos e reorganizando a biomecânica das suas curvaturas durante todas a gestação.

Uma coluna estável e sem sobrecargas e com músculos fortes previne as dores pélvicas, as dores irradiadas para os membros inferiores e o desconforto durante a marcha, principalmente no último trimestre de gestação.

O Pilates ainda melhora a frequência cardíaca da gestante, estabilizando os batimentos cardíacos o que possibilita uma gestação com menos aceleração cardíaca e melhor desempenho na atividades de vida diária.

O método por fim traz o benefício da melhora do sono pela diminuição da ansiedade, pelo alongamento e relaxamento muscular durante a prática.

Prof.ª. PhD Eliane Coutinho

Há mais de dez anos a Prof.ª. PhD Eliane Coutinho fundou a Fisiociência® Pilates com o objetivo de capacitar fisioterapeutas, educadores físicos, médicos, terapeutas ocupacionais e dançarinos com curso superior a desenvolver e aplicar o método Pilates na prevenção, condicionamento e tratamento de distúrbios musculoesqueléticos. A Fisiociência® é um centro de formação com marca registada com reconhecimento Nacional e tem como base formações para profissionais e atendimento ao público com o original Pilates Clássico Científico®. Com formação sólida, a fisioterapeuta é especialista em Avaliação do Aparelho Locomotor, Mestre em Processos de Avaliação e Intervenção em Fisioterapia pela UFSCar-SP e Doutora-PhD em Fisioterapia: Subárea em Plasticidade Músculo Esquelética pela UFSCar-SP com parceria com a Unicamp-Campinas e atualmente desenvolve pesquisa de pós-doutorado no Método Pilates na USP-SP. Possui formação no Método Pilates Clássico pela linha Canadense Stott Education Program. Também é certificada em Water Pilates pela Aquatic Exercise Association (AEA), nos Estados Unidos. É membro da Pilates Method Alliance (PMA) nos Estados Unidos, maior órgão representativo do método no mundo, é membro fundador da ABRAPI (Aliança Brasileira de Pilates). Atualmente escreve o primeiro livro de Pilates Studio que será publicado em português no Brasil, pela Editora Phorte. Seus vídeos no canal do YouTube mostram a repercussão de suas aulas entre os profissionais.

Conteúdo: LQ Comunicação

Sobre o autor

Guia da 3a Idade

Tudo para 3a Idade em um único lugar. Saúde, Finanças, Geração 50+, Entretenimento e Diversão, Moradia, Agenda, Produtos, Guia de Viagem e muito mais.