Informe

Atividades na natureza, benefício em dobro

Foto: Acervo Parque dos Sonhos
Foto: Acervo Parque dos Sonhos

Se atividade física faz bem para a saúde, movimentar-se em plena natureza é melhor ainda, respirando ar puro e vendo belas paisagens. Um lugar que se especializou em oferecer atividades de aventura para seus hóspedes – jovens adultos, idosos e mesmo aquelas pessoas com deficiência e/ou mobilidade reduzida – é o Hotel Fazenda Parque dos Sonhos, em Socorro, a 130 km da cidade de São Paulo.

Entre montanhas, riachos e cachoeiras, dezenas de atividades estão à disposição de quem se hospedar lá – mesmo com a possibilidade de passar apenas o dia no Parque dos Sonhos. E se você ainda não se acha um atleta, ou tem se sentido meio lento, com alguma dificuldade, não se acanhe, o Parque dos Sonhos foi criado e certificado para que até as pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida possam realizar as atividades oferecidas. Grande parte delas é executada com equipamentos especiais e acompanhada por condutores capacitados e treinados. E agora, veja tudo que o espera – e em segurança:

Foto: Acervo Parque dos Sonhos
Foto: Acervo Parque dos Sonhos

O Hotel Fazenda Parque dos Sonhos tem um programa especial para quem é maior de 60, Sonhos da Melhor Idade, que alia mais atividade e diversão à já movimentada aventura que descrevemos antes. Tudo feito sob medida para garantir segurança e animação: seguro de vida; música com conjunto típico; bingo; karaokê; aulas de relaxamento; hidroginástica; torneio de pesca e desde que pré-agendado avaliação médica na chegada…

Arvorismo: atividade para pessoas de qualquer idade, que exercita a coordenação motora, o equilíbrio e o autocontrole. Pode ser realizada por pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida.

Caminhada: em trilhas na mata nativa, pelo leito do rio em meio a cachoeiras.

Foto: Acervo Parque dos Sonhos
Foto: Acervo Parque dos Sonhos

Cavalgada: uma prática que permite ao corpo fazer movimentos tridimensionais (horizontais: direita, esquerda; frente, atrás; e verticais: para cima e para baixo), e assim trabalhando as noções de lateralidade, equilíbrio e distância. Beneficia a postura, a coordenação motora e alivia o estresse. Pode ser realizada por pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida.

Escalada: atividade que exige concentração, paciência, equilíbrio e resistência para chegar ao topo das rochas. É acompanhada por condutores especializados.

Boia cross: atividade divertida e movimentada, em que você desce um rio sobre uma boia, usando os braços como remo. No Campo dos Sonhos, a descida do Rio Cachoeirinha é um percurso de 1.300 metros.

Foto: Acervo Parque dos Sonhos
Foto: Acervo Parque dos Sonhos

Espeleoturismo: atividade de aventura que explora cavernas, grutas e lapas No Parque dos Sonhos, em grutas formadas pela erosão, o passeio dura uma hora em percurso de 150m.

Tirolesa: atividade divertida e cheia de emoções, em que, sentado em uma corda, o praticante cruza um rio. O Hotel Parque dos Sonhos tem oito tirolesas que variam entre 80m e 1 km de extensão, e de 3m a 140m de altura, todas acessíveis a pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida. Mais emocionante ainda é a tirolesa voadora, em que a pessoa vai deitada, de bruços, com o corpo suspenso por quatro cabos.

Rapel: técnica de descer em rochas verticais com auxílio de cordas. No hotel, há várias opções de rapel de 25m, de 35m e de 50m. Para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida o hotel tem equipamentos e condutores especializados.

É tanta coisa que é melhor você visitar o site e descobrir muito mais. Clique aqui.

Sobre o autor

Guia da 3a Idade

Tudo para 3a Idade em um único lugar. Saúde, Finanças, Geração 50+, Entretenimento e Diversão, Moradia, Agenda, Produtos, Guia de Viagem e muito mais.